7 erros mais comuns ao fazer um cartão de visita

7 erros mais comuns ao fazer um cartão de visita

A importância de um cartão de visita bem elaborado é indiscutível. Além de ser a primeira impressão deixada por você, ele transmite profissionalismo e confiabilidade para clientes e parceiros.

Apesar de parecer simples, a confecção de um bom cartão de visita apresenta certos desafios. Para ajudar você nessa tarefa, separamos uma lista com 7 erros que podem ser cometidos na hora de confeccionar um cartão e, também, como evitá-los, a fim de produzir um material impecável e eficiente.

1. Excesso de informação

O espaço do cartão é limitado e não deve ser saturado com informações desnecessárias. Priorize o logotipo e o nome da empresa e coloque apenas os dados suficientes para contato. Uma boa dica é colocar os elementos visuais na frente e utilizar o verso para os textos.

Certifique-se de que todas as informações são atuais e, se por algum motivo, precisar alterar qualquer um desses dados, produza novos materiais, para que seu público tenha sempre seus contatos e você não perca nenhuma oportunidade de negócio.

2. Falta de informação

A falta de informações também é um problema. O cartão deve conter informações suficientes para que o interessado possa entrar em contato da maneira que mais o agradar. Tenha a certeza de que todas as formas de contato foram incluídas.

3. Fontes extravagantes

Um fator muito importante é a legibilidade. Por isso, a escolha das fontes é muito importante. As extravagantes e que não combinam entre si podem tornar seu cartão desagradável ao olhar, fazendo com que a informação que você deseja transmitir se perca.

Contrate um bom profissional para ajudar nesse processo. Ele vai se certificar de que as fontes formarão um conjunto agradável e seu cartão de visita vai ser muito mais eficiente.

4. Mistura de cores, formas e padrões

Todos os elementos estabelecidos no design do cartão devem ser escolhidos sabiamente. A melhor opção é sempre usar o design estabelecido em sua identidade visual, a fim de passar a ideia de unidade e confiabilidade.

Cores, formas e padrões diversos e desconexos tiram o foco das informações importantes que devem estar contidas no material, tornando seu uso ineficaz.

5. Erros de ortografia

Em hipótese alguma, seu cartão de visita pode ter erros de ortografia, porque eles tiram a credibilidade da sua marca. Revise as informações diversas vezes, até ter certeza de que tudo está escrito corretamente.

6. Ausência de uma identidade visual

Cada empresa adota uma postura diante do mercado e, claro, isso se reflete na forma como se comunica com o público. Respeitar essa identidade é essencial na hora de criar o cartão de visita.

Se a empresa ainda não possui uma identidade visual definida, analise seu posicionamento no mercado, a clientela e a postura nas redes sociais, a fim de usar esses fatores como guia.

7. Uso de materiais inferiores

Depois de prestar atenção a todos os detalhes e confeccionar um cartão visualmente eficiente, usar materiais inferiores pode colocar todo o trabalho a perder. Eles transmitem falta de cuidado com seu negócio e, definitivamente, essa não é a imagem que você quer ligar à sua marca, não é mesmo?

Gostou dessas dicas sobre como não errar na hora de criar seu cartão de visita? Para ter mais artigos informativos como esse, siga nossos perfis e esteja sempre preparado para o mercado.

Sem comentários

Cancelar